sexta-feira, 15 de junho de 2012

Rosinha e o açaí - Por Joilson Santos




Olha maria, aquele barquinho que vem vindo!
Carregado de mercadorias, no limite das águas.
Vem devagar, deslizando na maré cheia
E vem chegando no instante em que vou indo...

Será que ele traz um paneiro de açaí,
Farinha de tapioca e tamatá?
ou então pescada, mariscos e fubá?
Acho que vou até lá... Em vez de ficar aqui...

No caminho encontro com Rosinha
Que na pressa vinha correndo
Escorregou e caiu de bunda
E chorou igual criancinha!

O barco já ia embora
Mas eu tinha que ajudar Rosinha
Moça bonita, faceira, linda mesmo
Estou indeciso, e o açaí, e agora?

Lá vai o açaí embora, puxa vida, que pena
Sentirei saudade daquela fruta
Mas fiquei com Rosinha, menina faceira
Porque essa morena... Também vale a pena!

E Maria, que ficou olhando?
Lá do fundo o barco partindo
Foi embora, ali... Sumindo.
Sentou á beira do rio, lamentando!

Mas quando ele voltar, estarei lá...
Com Rosinha do meu lado
E Maria me esperando
Sentada a beira-mar!







(Foto e poesia de Joilson Santos)




Nenhum comentário:

Postar um comentário